Contar o tempo rural na aposentadoria

Pode entrar com o pedido no INSS para que eles averbem este tempo no seu tempo de contribuição.

Agente uma data e leve todos os documentos que comprovem sua ligação com o trabalho da roça, sendo os principais:

Escritura de terreno em nome de seu pai ou contrato de lacação

Cópias de notas fiscais de venda de produtos agrícolas

Cópias de documentos seus e que conste seus pais como responsáveis, como boletins escolares, matrículas, documentos de Igreja.

Alistamento militar que conste como trabalhador rural

Caso todos estes comprovantes e mesmo assim o INSS negue, aí pode pegar um advogado e entrar na justiça que vai ganhar.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Por: fslonikEm: 9 de abril de 2017 | Em Geral, Perguntas e Respostas  |

2 respostas para “Contar o tempo rural na aposentadoria”

  1. Vanderlei disse:

    Conforme contato anterior, ainda tenho algumas dúvidas, segue abaixo.
    1 – O tempo de serviço dos 12 aos 19 citados, posso pedir averbação agora?
    2 – Vão ser considerados no futuro?
    3 – Com a nova lei, vai ser aceito tempo de roça, como é aceito hoje, perante comprovação a partir dos 12 anos?

    Att, Vanderlei.

    • fslonik disse:

      Pode pedir sim averbação na contagem de tempo já. Assim quando chegar o tempo de aposentadoria já estará regularizado.
      Vai ser considerado para o futuro, já que é um direito anterior.
      A nova lei, pelo menos o que consta até agora, não vai mais aceitar. Por isso, se conseguir averbar já, vai ter seu direito assegurado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *