Plano B do governo para APOSENTADORIAS caso não passe a nova lei

O governo já trabalha com a possibilidade de acionar um PLANO B, caso não seja aprovado a nova lei da Previdência Social com as alterações para as aposentadorias.

O risco é grande, já que o governo Temer está perdendo a cada dia mais apoio dos congressistas e com a ajuda da oposição, o risco de não aprovação da nova lei já é grande.

Com isso, algumas medidas deverão ser tomadas imediatamente por decreto ou medida provisória, caso de não aprovação das novas regras para os benefícios previdenciários.

As medidas principais que serão criadas por decreto ou MP são:

  • Acabar com a fórmula 85/95
  • Manter só a fórmula do Fator Previdenciário com algumas alterações, impondo um limite de idade mínima para novas aposentadorias.
  • Elevar o limite mínimo de contribuição para aposentadoria rural e outros que hoje é de 15 anos, mantendo a idade mínima de 60 anos para mulheres e 65 para homens.
  • Redução em 50% do valor da pensão por morte que hoje é integral.
  • Aposentadoria proporcional ao tempo de contribuição para aposentadoria por invalidez.
  • Mudança do cálculo dos benefícios, passando a contar todo o tempo de contribuição sem redução daqueles 20% das menores contribuições.
  • Pagamento só de 70% da média das contribuições como máximo para novas aposentadorias e proporcionalmente aos que já contribuem.

Agora é só dúvida para que ainda não completou o tempo de contribuição.

Quem já tem o tempo completo, continua tendo o direito adquirido e poderá se aposentar pela norma vigente, mesmo que as novas medidas sejam implantadas.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Por: fslonikEm: 29 de Maio de 2017 | Em Aposentadorias, Cidadão  |

3 respostas para “Plano B do governo para APOSENTADORIAS caso não passe a nova lei”

  1. Washington disse:

    Tenho 35 anos de contribuição, mas tenho 52 anos e sou funcionário público Federal. Com as novas regras, quanto tempo ainda tenho que trabalhar ?

  2. Kátia disse:

    Bom dia a todos!
    Meu nome é Kátia, tenho 47 anos e completarei 30 anos de contribuição em Setembro, como ficará com as novas regras minha aposentadoria?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *