Fazer curso universitário de graça com o ProUni

Você já ouviu falar no ProUni, certo?

Leia mais

Taxa para emitir passaporte na América do Sul e validade

É possível fazer o seu CPF pela Internet

Através dele, você sabia que hoje no Brasil é possível fazer curso universitário de graça?

Quem é que pode ganhar uma bolsa de estudos através do ProUni?

A resposta é simples: justamente quem mais precisa.

O ProUni é um programa governamental que foi instituído em 2004. Desde então, calcula-se que até o ano de 2013 mais de um milhão de pessoas foram beneficiadas por suas bolsas.

Evidentemente, como toda política pública, o ProUni utiliza critérios para que mais e mais pessoas possam utilizá-lo de maneira justa. Quer saber se você pode participar? Confira quais são os critérios:

Precisa ter estudado durante o Ensino Médio na rede pública de ensino*

É simples: se você estudou em escola pública durante o Ensino Médio – ou segundo grau – ou se você foi estudante de um colégio particular, mas tinha bolsa de 100%, você pode ser uma das pessoas selecionadas para conseguir uma bolsa de estudos para estudar em uma universidade particular com bolsa de 100% de desconto.

Se você possui alguma deficiência, o ProUni te coloca dentro de uma Universidade*

Se você tem alguma deficiência, basta que você possa comprovar a sua condição de deficiente com um atestado médico que a comprove quando for fazer a sua matrícula.

Se você é professor da rede pública, você pode fazer mais uma graduação**

Mas calma, não adianta se inscrever para um curso que não seja de licenciatura.

Através do ProUni, professores de todo o Brasil podem conseguir o seu sonhado diploma de curso superior ou até mesmo fazer o tão sonhado segundo curso universitário. Basta que sejam comprovados através dos documentos escolares que o candidato seja professor e que componha o quadro de professores efetivos.

O que eu preciso fazer para conseguir a minha bolsa de estudos?

Basta cumprir um dos critérios de enquadramento acima listados e fazer o Enem. Nessa prova, é imprescindível ter uma nota mínima de 450 pontos em cada uma das áreas de conhecimento exigidas na avaliação. Além disso, a nota da redação não pode ter sido zerada.

E se você não conseguiu se inscrever para fazer o Enem, fique sempre de olho e atento nos veículos de informação. A divulgação é ampla e o exame é anual.

Quais os critérios socioeconômicos para obter uma bolsa do ProUni?

Se você já cumpriu um dos requisitos acima, agora é também importante fazer a análise dos critérios econômicos de sua família.

Se a renda familiar bruta da sua família é menor do que 1,5 salário mínimo – se for o caso de trabalho com renda variável ou autônomo também conta. Bastam os comprovantes dos últimos três meses de rendimentos – você pode ter uma bolsa de 100% para o curso de graduação para o qual você foi aprovado.

Agora, se a renda familiar for superior a 1,5 salário mínimo, você pode ter uma bolsa de 50%, pagando somente metade da mensalidade do curso que você escolheu.

Como calcular a renda familiar bruta per capita?

Quer saber se por concorrer? Faça assim: some a renda de de todas as pessoas da sua casa que, naturalmente, a possuem. Agora, divida o valor total pelo número de pessoas que moram na casa.

E o valor obtido por pessoa for menor do que três salários mínimos e se você se enquadrar em uma das situações de elegibilidade para concorrer a bolsa, agora é só colocar a mão na massa e começar a estudar para conseguir uma boa pontuação no Enem, porque o curso universitário dos seus sonhos está nas suas mãos.

* É necessária a comprovação de enquadramento nos critérios econômicos.

** Não é necessária a comprovação de enquadramento nos critérios econômicos.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Uma resposta para “Fazer curso universitário de graça com o ProUni”

  1. […] Fazer curso universitário de graça com o ProUni […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *